header-01

10 excelentes exemplos de mobile learning para impulsionar o engajamento e o desempenho dos funcionários

Neste artigo, falo sobre as principais particularidades do mobile learning e como você pode usá-lo para impactar o engajamento e o desempenho de seus funcionários. Eu também compartilho 10 exemplos que mostram como você pode atingir esse objetivo.

 

Como usar a mobile learning para aumentar o engajamento e o desempenho dos funcionários

O mobile learning é reconhecido como um formato de entrega de treinamento chave por organizações em todo o mundo. É usado extensivamente como uma abordagem de treinamento moderna que é centrada no aluno e facilita o consumo contínuo de partes menores de aprendizado em vez de um grande pedaço.

Vamos ver como o mobile learning pode ser usado para gerar maior engajamento e desempenho dos funcionários.

  • Aprender, recuperar e reter: Como as partes de aprendizagem são entregues em formatos interessantes, envolventes e disponibilizados aos alunos dentro do seu ambiente de trabalho, elas trabalham com mais eficiência ajudando os alunos a aprenderem, recuperarem e reterem.
  • Aplique a aprendizagem no trabalho: Por um período de tempo, isso leva à aplicação requerida no trabalho (e à mudança comportamental antecipada). Todos esses fatores estão direcionando o uso da mobile learning para engajar os alunos e aumentar seus desempenhos.

 

O que é mobile learning e por que está ganhando força?

O mobile learning é o eLearning da próxima geração que pode ser oferecido em diversos dispositivos (desktops, laptops, tablets, smartphones, etc.). É um aprendizado “a qualquer hora e em qualquer lugar” que pode ser utilizado no seu ritmo e no dispositivos que você preferir.

O mobile learning pode ser usado para oferecer treinamento formal, bem como suporte ao desempenho. Também pode ser usado para complementar o treinamento tradicional com instrutor.

Isso não é tudo. A adoção do mobile learning em todas as organizações está aumentando em função de:

  • Mudando o perfil do aluno: Em todo o mundo a geração Y é parte significativa da força de trabalho. Eles precisam de acesso ao treinamento que funciona no dispositivo de sua escolha (lê-se smartphone).
  • Como os alunos querem aprender: Os alunos de hoje não tem tempo para acessar um Sistema de Gerenciamento de Aprendizagem para navegar e identificar o que eles precisam. Com essa falta de tempo, eles querem partes precisas que podem usar para resolver um problema ou praticar. E é claro, isso precisa estar disponível em seu ambiente de trabalho (lê-se smartphone novamente).
  • Alterando a preferência dos dispositivos de aprendizagem: Os alunos querem que esse controle esteja com eles. Dependendo da natureza do treinamento, seja formal ou informal, longo ou curto, eles querem exercer o direito de escolher o dispositivo que devem aprender.
  • Maturação de ferramentas e tecnologia: Hoje, as soluções de mobile learning podem optar por uma ampla gama de ferramentas de autoria e plataformas LMS que oferecem soluções adaptáveis (desktops, laptops e tablets) e projetos responsivos (desktops, laptops, tablets e smartphones).

 

Por que faz tanto sentido adotar o mobile learning para aumentar o engajamento dos funcionários e, eventualmente, impactar seu desempenho?

O sucesso de um programa de treinamento depende de vários fatores, como mostrado aqui. Esses aspectos influenciam o engajamento dos alunos e o eventual ganho de desempenho.

  • Reação dos alunos: Começa com o primeiro contato crucial (sua reação ao curso on-line). Isso tem uma influência direta sobre como os alunos respondem e as taxas de conclusão desejadas. O mobile learning registra uma alta de 5 aqui.
  • Eficácia ou retenção da aprendizagem: O uso de estratégias de aprendizagem imersiva aumenta a retenção da aprendizagem. Da mesma forma, o uso de estratégias que engajem verdadeiramente o aluno, facilitam a recuperação e colocam eles a pensar e aplicar o aprendizado para ter sucesso no treinamento. O mobile learning oferece um grande valor aqui, pois suporta formatos de mídia rica e tendências de estratégias de aprendizado como microlearning, gamification, story-based learning, tomada de decisão complexa usando aprendizagem baseada em cenários e assim por diante.
  • Aplicação da aprendizagem (levando à mudança comportamental desejada e um impacto positivo nas empresas): Como mencionei anteriormente, os alunos não passarão por um LMS para buscar uma resposta para resolver um problema no trabalho. Em vez disso, eles precisam destas partes de aprendizado para estarem disponíveis para eles quando precisarem. Da mesma forma, quando eles precisam praticar um novo conceito ou uma nova habilidade, eles querem a flexibilidade para aprender sobre o dispositivo que mais acessam. O uso do mobile learning em um formato de microlearning que pode ser usado para treinamento formal ou como Suporte ao Desempenho é muito útil para cumprir este objetivo.

A partir desses insights, você notará que pode impactar positivamente cada uma dessas propriedades adotando o mobile learning. Com essa abordagem, você terá alunos mais engajados.

 

O Mobile Learning ou o mLearning são apenas para a Geração Y?

É um equívoco pensar que a mobile learning apenas atrai a força da Geração Y.

Independentemente da idade, todos nós gastamos muito tempo em nossos smartphones e tablets e isso faz com que tenha um enorme sentido a ampliação da aprendizagem nesses dispositivos.

A flexibilidade para usar o dispositivo para aprender, a facilidade de aprender em qualquer lugar e o uso de mídia rica e estratégias de alto impacto atraem os alunos de todos os perfis para a adoção do mobile learning.

Como resultado, você terá taxas de conclusão mais altas em vários perfis de alunos e não se limitando aos da Geração Y.

Além disso:

  • Quando o mobile learning é usado para Suporte ao Desempenho (ajudas de aprendizado just-in-time que estão disponíveis para os alunos dentro do seu fluxo de trabalho e precisamente no momento de sua necessidade), você pode ver uma maior aplicação do aprendizado no trabalho. Como já mostrei, este é um aspecto crucial para obter o impacto desejado que o negócio busca.
  • Eventualmente, a combinação de conclusão do treinamento no tempo adequado, maior retenção e aplicação bem sucedida tem um impacto positivo no ROI.

 

Quais estratégias de aprendizagem se adaptam ao mobile learning ou mLearning?
  1. Microlearning
  2. Gamification
  3. Aprendizado baseado em história ou cenário (o impacto é ainda maior quando usamos vídeos ou vídeos interativos).
  4. Aplicativos móveis para aprender.
  5. Designs centrados na Geração Y..
  6. Aprendizagem social.

Novas tendências que podem aumentar ainda mais o engajamento do aluno incluem:

  1. Aprender o caminho com base em abordagem para encorajar o “aprender continuamente”.
  2. Personalização para tornar a experiência de aprendizagem mais significativa para o aluno.
  3. Curadoria de conteúdo para apoiar o treinamento formal, bem como garantir que os alunos contribuam para enriquecer a base de conhecimento.

 

Dada as amplas necessidades de treinamento corporativo, o mobile learning ou mLearning podem ser usados para atender todas elas?

Absolutamente!

Um relatório elaborado pela SailPoint em 2013 sugere que até o ano de 2018, cerca de 70% da força de trabalho móvel em todo o mundo gerenciará suas tarefas relacionadas a negócios em seus dispositivos móveis preferenciais.

Se olharmos para a gama típica de necessidades de treinamento corporativo, a lista provavelmente se parece com isso e cada uma delas pode ser oferecida através do mobile learning ou mLearning:

  1. Indução e onboard (agora isso geralmente inclui pré-onboard).
  2. Treinamento de conformidade.
  3. Treinamento em produtos.
  4. Treinamento em vendas.
  5. Treinamento de liderança.
  6. Treinamento de ferramentas de aplicação.
  7. Treinamento de habilidades interpessoais.
  8. Treinamento específico de habilidades profissionais.
  9. Iniciativas RH/GCH.
  10. Iniciativas corporativas significativas: variando de qualidade e inovação para apoiar iniciativas de gerenciamento de mudanças.

 

10 excelentes exemplos

Na EI Design, nossa prática de aprendizagem móvel começou em 2011. Ao longo dos últimos seis anos, criamos mais de 1.000 horas de soluções de mobile learning, tanto para treinamento formal quanto para Suporte ao Desempenho, incluindo todos os treinamentos destacados acima.

Embora a adoção inicial da mobile learning tenha sido limitada ao acesso até tablets (soluções adaptáveis), nos últimos dois anos, a maioria de nossas soluções suporta smartphones (projetos responsivos).

Eu listei 10 exemplos para mostrar o impacto da mobile learning que mapeiam as variadas necessidades corporativas de treinamento. Esses exemplos refletem o uso da mobile learning para  treinamento formal, bem como suporte ao desempenho.

Eu mostro estratégias, incluindo:

  1. Microlearning.
  2. Gamification.
  3. Aprendizado baseado em cenários.
  4. Caminhos de aprendizagem.
  5. Aprendizagem social.
  6. Personalização.

Eu mostro formatos de entrega de alto impacto, incluindo:

  1. Aplicativos para aprender.
  2. Vídeos.
  3. Vídeos interativos.
  4. Nossa premiada Interactive Parallax design.

 

 

Traduzido de: https://www.eidesign.net/10-killer-examples-mobile-learning-boost-employee-engagement-performance/

 

Tradução de:


Leandro Berka
Marketing Team
leandro.berka@bravi.com.br